Arquivo de etiquetas: Paz

Mais precisamente

de que paz precisamos mais? da de não mais precisarmos de paz! 2016-12-28

Publicado em Aforismos | Tags , , | Deixe o seu comentário

Paz maior

à paz não basta a humanidade 2016-09-14

Publicado em Aforismos, Poesia | Tags , | Deixe o seu comentário

Altiva circunstância

aquieta o orgulho da tua espada põe silêncio na tua majestade ouve o silvo dos justos murmurando os tempos até à nudez dos espíritos vê teu brilho esmaece se manchas as mãos sem dor vê o mate de todas as … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , | Deixe o seu comentário

As guerras das tribos

colocamos ao peito toda a renúncia sob a sombra de estandartes erguemo-nos fantasmas determinados desembainhamos vaidades dos ovos das trevas rendidos em punhos de sangue na cegueira das trincheiras porquê a glória vã por que se prendem razões e pelejam … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , , , | Deixe o seu comentário

Juízo a final

trago infernos que despontam nos gumes de minhas lanças a cada guerra de medos em danças de fogo posto em nome de tantos nomes alheios ao nome que quis há uma terra fumegante que fenece sob os escombros de mim … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , , | Deixe o seu comentário

A palavra sempre

o que sinto na palavra sempre é pouco o que a palavra sempre me diz é muito a palavra sempre me agita nasce palavra sempre que me morre que palavra sempre ressuscita sempre a palavra sempre sem demoras sem a … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , | Deixe o seu comentário

Anos de chumbo

vês o túnel ao fundo do dia sob a chuva de chumbo dos anos desterrados os ventos sopram de fogo e os rios já não choram de lágrimas puras o pó, só o pó de semente princípio e fim das … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , , , | Deixe o seu comentário

Urgência da paz

profecias confessas entre os medos e a coragem aceno improvável da razão entre escombros emoção sereno no sangue meu sonho em riste nervos da luz sem aço à flor da pele as plumas e a espada entre as mãos e … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , | Deixe o seu comentário

Sereno azul

odeias califórnia a ameaça dos desertos na calada indolente dos ventos odeias lapónia a delapidação do gelo na transparência cristalina das águas odeias amazónia a sangria da seiva na selva esfomeada dos tempos odeias mundo a sagueza das cidades sob … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , | Deixe o seu comentário

Oração

creio-te meu rumo livre nos ditames dos destinos as minhas sandálias são de terra, Senhor verdes dos prados que caminho me plantaste mar de escolhas sem margem numa só viagem de pé vê nas minhas mãos a oliveira da semente … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , , | Deixe o seu comentário