Arquivo de etiquetas: Palavra

Minha arte

minha arte perguntou por mim eu já não estava aqui morreu-me de repente o fôlego e nada mais que esquecimento restou por fim minha arte perguntou ai de mim 2020-03-31

Publicado em Poesia | Tags , , , | Deixe o seu comentário

Depressa

o amor e a poesia são longos demais para a minha vida que é curta e de vistas demasiado largas para seu alcance oh vida em luta contra o tempo sempre perdida 2020-02-28

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário

Eunuco

só não te digo o que te quero dizer porque não quero nem mais dizer o que ainda quero que me digas 2020-01-30

Publicado em Poesia | Tags , | Deixe o seu comentário

Na hora do pântano

ainda desconcertante a hora em que o crocodilo chora 2019-12-30

Publicado em Aforismos, Microcontos, Poesia | Tags , | Deixe o seu comentário

À feição

a perfeição não existe apenas aparece quando a encontro e esmorece se a abandono triste quem dela esquece qualquer contorno ou de si desiste a desconhece e não insiste fenece ninguém a desmerece pois à sua feição a todos se … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , | Deixe o seu comentário

Minha palavra

minha palavra não é minha não para o ser a palavra tem de sair livre tens de ouvi-la entendida como se fosse escrita na tua mão palavra que não é minha não 2019-01-31

Publicado em Poesia | Tags , , | Deixe o seu comentário

Nitidez

nasci para ver claramente todas as cores na tua pele e a paz e não saber os seus nomes e vivendo saberei quantas guerras se fazem de coisa nenhuma 2018-11-30

Publicado em Poesia | Tags , , , , , | Deixe o seu comentário

De palavra

palavra minha arma é de papel e fracas memórias tem o som de uma espera enquanto voa tem a cor da ousadia enquanto espera tem todos os tons dos jardins que não colho quando escolho um nome nas flores que … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , | Deixe o seu comentário

Filhos da guerra e da paz

por que maior a arte da guerra onde investes teu talento teu denodo teus destinos por que da vida essa arte se a morte o fim das tuas mãos na forma do barro na palavra que agitas vã glória a … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , | Deixe o seu comentário

Cada um sua penitência

me penitencio: na minha cabeça não cabe sentença a que toda a verdade lhe pertença 2018-09-30

Publicado em Aforismos, Poesia | Tags , , | Deixe o seu comentário