Arquivo de etiquetas: Essência

Extinção da espécie

olhem para mim: estou em perigo conquistei o pleno nada mais tenho para fazer olhem para mim: estou em perigo estou nas nuvens e nada há para acontecer olhem para mim: estou em perigo não sei se perdido de amores … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , , | Deixe o seu comentário

Poesia sem nome

eu sou antes do meu nome inominável a gente que ainda não sabe a poesia é depois a procura onde procuro chegar hei de morrer vivendo a tentativa 2017-08-31

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário

Falo de umbigos

perdoo em alguns egos a desmesura dos tamanhos compreendo em outros a ânsia dos pedestais só não desses os umbigos nem os olhos que só vêem espelhos umbigos nem as falas que só falam de si umbigos falo dos falos … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , | Deixe o seu comentário

Nada é suficiente

nada mais se queira da vida do que vivê-la isso é suficientemente inesgotável 2017-07-29

Publicado em Aforismos, Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário

Mitos urbanos

não sei se sabes é verdade tudo o que sei e de antemão sabia tu também sabes ainda que sabendo sem mais nada haver que pressuposto tudo é absoluto e vago pensamento sem pés e cabeça convicta não por se … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário

Minha ideia de mim

quem sou tu és ideia que me tens e tenho por que vivo sou a pergunta à resposta que me dás reticiência sem conclusão sou mais do que era sabido sem menos do tempo sofrido sou a insurgência na tua … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , , , | Deixe o seu comentário

Alegoria do tempo

sempre tão rápido oh silvo que passas sempre mais lento para a vida de menos sempre de partida nunca de volta já eras antes de anúncio e serás depois de memória não te desperdices oh tempo em sendas esquecidas ou … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , | Deixe o seu comentário

Ser e não ser

tudo que existe tem contradição pois sem contradição nada existe 2016-12-28

Publicado em Aforismos | Tags , | Deixe o seu comentário

A sorte da morte

se eu tivesse tempo de esquecer a morte abandoná-la-ia à sua sorte não lhe daria vida 2016-11-30

Publicado em Aforismos, Poesia | Tags , , , | Deixe o seu comentário

Nunca se diz

nunca a palavra de mais séculos se revira à volta de uma trama nunca palavra de um só amo nunca tirano sempre nunca nunca a palavra muitos anos resiste ao primeiro solavanco nunca palavra dita um fim nunca a palavra … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário