Arquivo de etiquetas: Esperança

Tempo esgotado

dormi demasiado tempo com o tempo perdido encontrei-o à minha espera esperei que se fosse 2018-11-30

Publicado em Aforismos, Microcontos, Poesia | Tags , , | Deixe o seu comentário

De palavra

palavra minha arma é de papel e fracas memórias tem o som de uma espera enquanto voa tem a cor da ousadia enquanto espera tem todos os tons dos jardins que não colho quando escolho um nome nas flores que … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , | Deixe o seu comentário

Até nada

quando as condições se propiciam tudo pode acontecer até nada! 2018-10-30

Publicado em Aforismos | Tags , , | Deixe o seu comentário

Vitória

a pedra gravada de teu nome onde cantaste teu fulgor teus feitos que glória essa pedra onde esculpiste a ferro e fogo a última tentativa de ludibriar o tempo e o desespero pela eternidade essa pedra é areia e pó … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , , | Deixe o seu comentário

Tempos perdidos

andamos em busca de sonhos perdidos desde a infância procuramos sempre perdidos nunca sabendo o alcance algures após o fim de quanto em sonhos logramos iludimo-nos na corrida que damos ao tempo mera promessa quando o tempo não corre aqui … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário

Do amor e das pátrias

aqui ali acolá hão novas pátrias para os medos que por tudo e por todos livre não me falte o amor o meu mais fiel amigo 2018-06-30

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário

A idade

talvez nem sejam anos mas estes dias talvez os meses, por minutos se troquem nestas horas à volta de segundos expeditos talvez nem haja tempo mas acasos e nos achemos entre as estrelas casos perdidos talvez a espera não seja … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , , , , , | Deixe o seu comentário

A sombra e a luz

somos a sombra e a luz que a desfaz somos mais do que a sorte é capaz na deriva do tempo cada momento somos da vida mais do que a vida nos traz temos a sina de bem mais que … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário

Ide

não se vive de temores nem a penas de tormentas sob a vertigem das correntes morro todas as vezes que o sexo nasce fogo em tuas águas quentes do que escolho nada espero não só de sorte é meu norte … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário

A rotina do amor

são passeios repetidos por onde passo e a indiferença dos néons ainda cintila por meus vãos rotina de sempre teus gestos lentos meu arranha céus amor de meu destino há quanto tempo meu amor estás sempre em campo e carregas … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Tags , , , , | Deixe o seu comentário