Brilho

conduz-me nos teus olhos
o brilho
música da luz
que em ti respira
incontida alegria
celestial canção
que em si contém todo o grito

guia-me de um claro caminho
pela mão em silêncio
teu sol escrito em minha alma
leva-me
a esse lugar sagrado
onde a esperança reside

2011-04-26

Esta entrada foi publicada em Poesia com as tags , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *