Nitidez

nasci para ver claramente
todas as cores na tua pele

e a paz
e não saber os seus nomes

e vivendo saberei
quantas guerras se fazem de coisa nenhuma

2018-11-30

Esta entrada foi publicada em Poesia com as tags , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *